10/03/2013

viagens e sítios - Trás-os-Montes e Minho

Este Verão tivemos a oportunidade de conhecer mais um bocadinho o nosso país. Se há viagens que me dão prazer, são essas: andar de terra em terra de bagagem às costas, a conhecer os recantos de Portugal e as nossas cidades.

Como tenho família e origens em Trás-os-Montes, e como tínhamos um casamento em Braga em Setembro, juntámos o útil ao agradável e rumámos ao Norte.

Durante cerca de uma semana ficámos instalados numa casa da família, em Vila Real, mais concretamente no Peso da Régua, na aldeia de Bujões...! Sim, completamente no fim do mundo, numa pequena terra com um dúzia de casas, outra meia dúzia de pessoas e, devido à altura do ano, uns quantos emigrantes. A vantagem de ali estar, para além de não se gastar dinheiro em estadias, foi o facto de a partir dali podermos conhecer vários sítios diferentes.

Embora não tenhamos conhecido verdadeiramente Vila Real, os passeios pela zona mais histórica foram muito agradáveis e, claro, não podemos esquecer-nos de duas maravilhas: as covilhetes e as cristas de galo! Embora eu seja muito mais doceira e gulosa que o João, desta vez invertemos os papéis e rendi-me eu às covilhetes, e ele às cristas de galo. 

Aconselhamos a histórica Pastelaria Gomes para qualquer uma destas iguarias! Para jantar, aconselhamos a Adega Sr. Vinho, com uma óptima posta de vitela.


Um dos momentos mais marcantes deste passeio foi, sem qualquer dúvida, ir até São Leonardo de Galafura, um dos sítios mais belos e encantadores onde estive até hoje. No meio de várias pequenas terras, com uma vista privilegiada sobre o Douro, uma capela e poesia do Torga como adorno, São Leonardo de Galafura é daquelas sítios onde nos apetece demorar, e que nos comove. Depois seguimos até Covelinhas, no meio da montanha.


Numa das noites fomos até Lamego, mais propriamente à Festa de Nossa Senhora dos Remédios. Embora não tenhamos passeado pela cidade, até porque já estava escuro, pudemos provar mais duas coisas maravilhosas: arroz de salpicão e moira! Ficámos absolutamente fãs!



Aproveitámos para conhecer o Parque Natural do Alvão, que se encontra em Vila Real e Mondim de Basto. A paisagem é linda, com os caminhos de montanha, o verde, o granito e, em algumas zonas, a água. Para além de termos andando a passear por ali, sem rumo, fomos às Lamas de Olo e às Fisgas de Ermelo, embora tenhamos visto as quedas de água apenas ao longe.





Passeámos também por Vilarinho da Samardã, uma pequena aldeia muito simpática onde se vêem muitos espigueiros, uns mais antigos e pior conservados e outros em bom estado, que servem para guardar e secar o milho, protegendo-o dos ratos. Conhecemos também uma casa, encantadora, onde em tempos viveu Camilo Castelo Branco.



Outro ponto alto (literalmente!) da nossa viagem foi a visita ao Santuário de Nossa Senhora da Graça, em Mondim de Basto, a 900 metros de altitude.


Mesmo no final de Agosto rumámos até Braga onde passámos dois dias, sendo que um foi num casamento. Demos umas voltas pelo centro da cidade e ficámos encantados e, a certa altura, com vontade de lá viver. Ficou a promessa de que lá voltaríamos, com mais tempo. Para estadia aconselhamos o Axis Braga, um hotel low cost, central e com boas condições! A simpatia da maioria das pessoas de Braga é notável e fez-nos sentir em casa. 


Entre Braga e Guimarães, estivemos no Gerês, que merece um post à parte. Assim, antes de regressarmos a Sul, passámos pelo berço da Nação, ainda que de fugida, e gostámos muito. Mais uma vez, só tivemos oportunidade de dar um curto passeio pela zona histórica que nos aguçou a vontade de regressar, com tempo. 


Embora fora de Trás-os-Montes e do Minho, fica aqui o apontamento da visita a Marco de Canaveses, mais propriamente à Igreja desenhada pelo arquitecto Siza Vieira, onde fomos na mesma viagem.






Raquel

6 comentários:

OnePlusTwo disse...

Só conheço Braga... mas fiquei encantada com as fotos =)

http://oneplustwoblog.blogspot.pt/

vera ferraz disse...

Portugal é de facto fantástico! E infelizmente com demasiados locais que não conheço :(
Mais um para visitar em breve! Conheço Peso da Régua e Braga,...

les bons vivants disse...

OnePlusTwo,

vale a pena conhecer o Norte! :)

veraferraz,

é lindo, mesmo! E nada como explorar o país.


Raquel

Babette disse...

Faltou-vos conhecer a famosa bôla de carne da pastelaria gomes!!! Imperdível. Sempre que se passa em Vila Real, trazem-se os covilhetes, as cristas e a bôla. Santíssima trilogia ;)
Babette

les bons vivants disse...

Babette,

por acaso não faltou! Experimentamos a bôla, sim, é boa, mas a de Lamego ainda é melhor! :)

Já estamos é a ficar com saudades!

Raquel

D. à conversa disse...

Que bela viagem :).
Fiquei com vontade de pegar no carro e partir à descoberta de Portugal :).
Do que visitaram, conheço (e bem) Marco de Canaveses - terra da família. Essa igreja é que não a reconheço pelas fotos...

Para quando um post sobre o Gerês? :) Deve ser um sítio fabuloso!


http://conversasentrealmofadas.blogspot.pt/